Pare de procurar inimigos!


Pare de procurar inimigos!

A convivência entre as pessoas, em geral, nunca foi fácil. E é fato que quanto mais envelhecemos, mais criteriosos ficamos – e mais amigos e parceiros perdemos. Para compensar esse problema surgem conhecidos, colegas de atividades e “inimigos”, claro. É aí começam nossos problemas!
Talvez seja a hora e o momento de parar de observar o lado que não te interessa nas pessoas, e verificar como utilizá-las melhor, para atingir seus objetivos. Se não estiver recebendo ataques comprovados do “concorrente” – muitas vezes mal traduzido por nossos cérebros como “inimigo” – vamos deixar a mania de perseguição de lado e focar-se em identificar estas questões:
1 – O que essa pessoa faz de melhor e que preciso aprender?
2 – Como essa pessoa otimiza seus recursos e pode me beneficiar?
3 – O que posso dar em troca, para gerar interesse nessa pessoa?
Networking se faz assim – Antes de declarar guerra ao ‘inimigo’, veja se realmente precisamos analisar se fizemos tudo que podíamos para atrair as pessoas para o nosso lado do campo de batalha. “O concorrente de hoje pode ser seu parceiro de guerra amanhã”, como ensina um ditado popular chinês.
Potencialize-se com ‘filtros’ – Em tempos de uso abusivo das teorias do medo e do caos, desconfiar o tempo todo das pessoas só nos leva a perder oportunidades de conhecer amigos(as), parceiros(as) e oportunidades maiores do que conseguimos, sozinhos(as) conseguir. Crie ‘filtros’ para se relacionar e mantenha seus valores intactos, sem perder possíveis aliados. Respeitar suas crenças ou dinâmicas podem ajudar muito.
Em próximo artigo comentarei algumas técnicas otimizadas para filtragem de relacionamentos úteis a causas. Se gostou do tema, deixa uma mensagem, pergunta ou comentário aqui embaixo. Até o breve!
* Thiago Ermano – Jornalista e Consultor de Comunicação e Networking da Comunicar Bem Comunicação e Relacionamento. Especializado em formar redes de relacionamentos para pessoas e empresas, tem passagens pela Rede Globo, Rede Record, TV Cultura, Folha de S. Paulo, Editora Abril e Fundação Getulio Vargas de São Paulo (FGV-SP). Atuou como diretor do Comitê de Jovens Empreendedores (CJE) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP) e foi vice-presidente do Observatório Social do Brasil – São Paulo. É Palestrante e Professor de Comunicação, Empreendedorismo e colabora para a criação de redes empreendedoras.
Thiago Ermano

Networker, Comunicador e Estrategista para a formação de Redes de Relacionamentos. É Gestor da agência da Reputação e Network Comunicar Bem e criador da primeira Escola de Networkers da América Latina.

Sem comentários no momento

Deixe um comentário