[NEGÓCIOS] Iniciando-se no Marketing Digital


[NEGÓCIOS] Iniciando-se no Marketing Digital

* Silvana Cortez
Afinal, o que é marketing digital? Em primeiro lugar, não é nada tão novo assim. O termo vem sendo popularizado desde o começo dos anos 2000, e nada mais é do que estratégias de marketing adaptadas para o mundo digital – a internet e dispositivos móveis são usados para divulgar e vender produtos e serviços, além de ampliar relacionamento com clientes.
Sua importância nos nossos dias é crescente. A internet já é considerada a maior fonte de informação do mundo. Estudo da agência internacional We Are Social aponta que o brasileiro gasta por dia 5 horas e 26 minutos na internet, via computador ou tablete, e mais outras 3 horas e 46 minutos conectado pelo celular. Ou seja, no Brasil, as pessoas permanecem online 9 horas e 13 minutos por dia.
Dessa forma, o marketing digital representa hoje uma oportunidade altamente lucrativa de negócios e, por isso, cada vez mais as empresas investem em suas ações para atrair mais consumidores para seus websites e aumentar suas vendas.
Mas, antes de investir tempo e dinheiro em marketing digital, são necessárias algumas considerações:
1. Investimento financeiro – Entenda que marketing digital não é apenas a criação de um website, envolve a criação de estratégias para alcançar os melhores resultados e exige estrutura, comunicação, paciência e, claro, dinheiro.
A boa notícia é que nem sempre a regra de que quanto mais você gasta, mais retorno você tem, não funciona no marketing digital. As estratégias estão sempre em primeiro lugar e os investimentos, basicamente, se limitam a anúncios para Facebook e Google, marketing de conteúdo, mídia social e outros elementos de criação e uso de ferramentas.
2. Público em primeiro lugar – O ponto principal do marketing digital é atender as necessidades do público-alvo e isso não pode ser nunca esquecido.
3. Planejamento – Como nada na vida funciona sem planejamento, no marketing digital não é diferente. Antes de iniciar uma campanha é preciso saber qual o objetivo real. O planejamento deve considerar os anseios do público-alvo e estabelecer as ações que serão criadas para fornecer informação e produtos/serviços que esse público deseja. Aumentar vendas ou fechar contratos são objetivos do marketing digital, além de solidificar marca e imagem. O resultado das ações de marketing digital devem ser a maximização dos lucros e divulgação eficaz da empresa junto ao seu público-alvo. E quando não se consegue isso é porque, muito provavelmente, não estão sendo desenvolvidas ações digitais de forma adequada.
Pense nisso: ferramentas certas e profissionais qualificados são fundamentais para campanhas de sucesso e uma boa agência deve trabalhar para desenvolver um plano de ações que atenda às suas metas e orçamento e garanta uma comunicação eficiente entre sua empresa e seu público.
* Silvana Cortez – Jornalista e Consultora de Comunicação da Comunicar Bem, pós-graduada em Gestão de Processos Comunicacionais pela USP. Parmalat, Ambev e Editora Abril fazem parte de sua atuação como Analista de Comunicação e Assessora de Imprensa.
Thiago Ermano

Networker, Comunicador e Estrategista para a formação de Redes de Relacionamentos. É Gestor da agência da Reputação e Network Comunicar Bem e criador da primeira Escola de Networkers da América Latina.

Sem comentários no momento

Deixe um comentário