Sabe medir quanto valem os seus relacionamentos?

Precisamos nos conscientizar de que a saúde e o bem-estar só são atingidos quando estamos bem fisicamente, emocionalmente, mentalmente e com paz interior. E sabemos que nem sempre é possível nos manter nesse estado de ‘felicidade’ e satisfação, por vários motivos. Talvez, o mais importante seja a qualidade dos relacionamentos que carregamos. E vou te provar isso, com esse artigo!

Quem realmente me ajuda? Quem só ocupa espaço em minha vida? E quem tem prejudicado meus planos? Já fez essas análises?

Novo Método – Após anos de estudos, muita leitura e entrevistas com grandes especialistas em network/relacionamentos, acabei por desenvolver uma ferramenta capaz de ajudar a identificar quem está alinhado aos nossos valores, propósitos e necessidades. Com alguns questionamentos é possível que identifiquemos quem pode colaborar para nossa carreira, negócios, reputação e vida. A métrica é simples, e verá no final desse artigo a análise desses três pontos: Otimização de Tempo x Pessoas que podem colaborar x Recursos a serem investidos.

As perguntas que me fiz foram: Como estou nutrindo os meus relacionamentos? Quanto valem esses relacionamentos? Há pouco mais de 15 anos busquei em uma experiência pessoal expectativas de que era possível conseguir formar grupos de amigos e pessoas de meus interesses – como espécies de “clubes” pessoais. E deu certo!

Depois de observar a fragilidade das relações entre pessoas que cresceram juntas, mas se tornaram estranhas, sem efetivamente fazerem partes umas das vidas das outras, percebi que os valores pessoais de cada um tem a ver com o centro dessas amizades. E foi esse o ponto de partida para uma investigação longa, que culminaria em uma Metodologia criada e aplicada pela Comunicar Bem.

Validação Científica – Precisava garantir que o método criado se tornasse ciência, e descobri em estudos acadêmicos no Brasil, nos Estados Unidos e na Inglaterra as provas que faltavam para comprovar a eficiência social, emocional e profissional dessa ‘fórmula’.

Me deparei com a mais longa pesquisa sobre felicidade da história dura, que já dura mais de 75 anos, e comprova que selecionar as pessoas com quem você conviverá é fundamental para se se conquistar o real bem-estar. Desde 1938, de dois em dois anos, os médicos fazem exames médicos, entrevistam os/as candidatos/as e entrevistam suas famílias – inclusive, um foi presidente dos Estados Unidos!

“O grau de satisfação nas relações é o que determina a longevidade e felicidade”, afirma o quarto da equipe, o Pesquisador e Psiquiatra Robert Waldinger. Ou seja, ter poucos e bons relacionamentos vale mais do que ter dinheiro e fama, indica o estudo de sete décadas.

Descobri com pesquisadores que pessoas que mantêm relações de confiança com o outro preservam mais o cérebro e conseguem manter o bom humor por mais tempo – mesmo diante de adversidades – pois podem contar com a amizade. Já as que não confiam em ninguém… tem um declínio de memoria mais precoce, como garantem diversos estudos de Harvard e Yale.

Metodologia para usar – Agora, você pode testar e descobrir se as pessoas que estão à sua volta colaboram, estão “paralíticas” em sua vida ou se realmente estão te sugando. Abaixo, montei esse organograma da metodologia para que possa se familiarizar com a técnica criada e difundida pela Comunicar Bem. Com estas informações você já pode começar a rascunhar seu Mapa de Relacionamentos. Dá uma olhada:

Bom, esta é a ferramenta que te ajudará a potencializar seus relacionamentos, com foco em gerar resultados pessoais e profissionais conectados a 10 competências, que abordarei em próximos artigos.

Gostou do tema? Quer saber mais? Deixa mensagem aqui embaixo ou me aciona pelo LinkedIn que terei o prazer em contar mais.

Até o próximo artigo!

Thiago Ermano

Networker, Comunicador e Estrategista para a formação de Redes de Relacionamentos. É Gestor da agência da Reputação e Network Comunicar Bem e criador da primeira Escola de Networkers da América Latina.

Sem comentários no momento

Deixe um comentário